Roda Super Sortuda

A chegada do Volkswagen up! TSI movimentou o segmento dos carros compactos, que vinha exercendo um papel coadjuvante (inclusive na imprensa especializada) devido à ascensão dos crossovers. Mas, muito além de gerar notícias, a versão turbo do up! conseguiu instaurar um novo parâmetro de desempenho e eficiência à categoria que certamente será seguido pelos rivais, uma vez que a adoção do turbo tende a se popularizar mais no futuro.

O propulsor da família EA211 que equipa o up! tem praticamente o mesmo nível de tecnologia do que 1.4 TSI do VW Golf, com exceção do sistema de start-stop. Injeção direta, refrigeração ativa do turbo e intercooler ar-água estão presentes, sem contar a construção em alumínio, já característica desta família de motores.

VW cross up! TSI

A adoção do turbo no bloco 1.0 tricilíndrico do up! o fez ganhar 23 cv de potência em relação ao aspirado, totalizando 105 cv. Considerando os 1.000 kg do modelo, a relação entre peso e potência é de 9,5 kg/cv (na versão aspirada, 10,8 kg/cv). O torque subiu de 10,4 kgfm para 16,8 kgfm, disponíveis já a partir das 1.500 rpm. Para efeito de comparação, o up! turbo tem mais torque do que o Peugeot 2008 1.6 (crossover compacto).

Além da roupa "aventureira", ele traz a traseira preta exclusiva do TSI

Se a ficha técnica prevê uma sensível melhora no desempenho do up!, ao volante isso se comprova nos primeiros metros comandando o carro. Embora ele entregue o pico de torque (de forma até mais abrupta, o que contribui para certa emoção) somente ao redor das 2.000 rpm (abaixo delas o comportamento é mais contido), a agilidade do compacto para a cidade cresceu muito.

A relação de marchas é outro destaque. A sensação é de que todas as cinco estão mais longas, evidenciando a elasticidade do motor. Na estrada, por exemplo, a 120 km/h, o up! TSI gira em baixas 2.900 rpm. Isso faz com que as retomadas também sejam bem mais ágeis, aumentando a segurança nas ultrapassagens (além de tornar a viagem menos cansativa).

CONFLITO EM FAMÍLIA
Conforme você já viu aqui no CARRO ONLINE, a chegada do turbo na gama do up! não veio sem um acréscimo em seu preço. Disponível para todas as versões, com exceção da take, de entrada, o motor TSI custa R$ 3.100. No caso do cross up! TSI avaliado aqui, o preço sobe de R$ 43.930 para R$ 47.130. Com isso, a gama, que já invadia a do atual compacto premium da marca, o Fox, coloca ainda mais dúvida na cabeça do consumidor.

Porta-malas do up! é maior que o do Fox

Por exemplo, por R$ 45.490, a Volkswagen oferece o Fox 1.0 na versão Comfortline. A configuração equivale em equipamentos ao up! TSI vestido para aventura. Os dois trazem direção e travas elétricas, ar-condicionado, sistema de som e rodas de liga leve. Para o Fox, a balança pesa um pouco mais pelos vidros elétricos atrás (só dianteiros no up!), função tilt-down para manobras no retrovisor direito e parassol com espelho para o passageiro. O cross up! se destaca pelo sensor de estacionamento traseiro de série.

Painel tem acabamento preto e não exibe falhas

As dimensões do Fox podem fazer a comparação parecer forçada, mas os números diminuem a distância entre os dois compactos. A diferença nos entre-eixos é de 4 cm em favor do Fox, e na largura o up! é 1 cm maior. Três adultos nos bancos de trás viajam com praticamente o mesmo nível de conforto que no up!, com espaço levemente maior para as pernas. Os 22 cm a mais no comprimento do Fox servem para dar mais espaço ao cofre do motor, projetado para blocos maiores. Ou seja, não influenciam muito no tamanho da cabine.

O espaço para as bagagens revela até uma curiosidade. No up!, o porta-malas tem capacidade maior que no Fox: 285 litros contra 270 litros. A vantagem do Fox é a possibilidade de rebater os bancos duas vezes (ou seja, baixar os encostos e levantar os assentos em direção aos bancos da frente), o que aumenta consideravelmente o espaço do bagageiro.

VW Fox 1.0 Comfortline

Se em espaço, conforto, versatilidade e equipamentos os dois compactos são bastante similares, o desempenho traz uma disparidade abissal entre eles. Ainda que o motor 1.0 tricilíndrico do Fox (o mesmo MPI usado também na gama aspirada do up!) já esteja entre os mais potentes da categoria, ele não é páreo para o up! turbo.

Versão intermediária parte de R$ 45.490

Na nossa pista de testes, o cross up! TSI cumpriu a prova de aceleração de 0 a 100 km/h com mais de seis segundos de vantagem em relação ao Fox (9s38 contra 15s5). Na retomada de 80 km/h a 120 km/h a diferença foi ainda mais gritante, acima de 12 segundos. E se a 120 km/h em rodovias o cross up! trabalha com 2.900 rpm, na mesma velocidade o Fox está com giro quase em 4.000 rpm.

Versão avaliada contava com central App Connect opcional

Além do prejuízo para o conforto auditivo, o desempenho do Fox não transmite a mesma segurança em ultrapassagens e torna a viagem mais cansativa. Em percursos urbanos o compacto vai bem, pois seus 82 cv e 10,4 kgfm são suficientes para trajetos curtos, especialmente se congestionados. Mas ele não agrada tanto quanto o turbinado.

Motor 1.0 MPI tricilíndrico é o mesmo do up! aspirado

E a principal vantagem do up! turbo é que ele consegue ser mais rápido que o Fox e continuar sendo mais econômico. A diferença é mínima, mas em percurso misto entre cidade e estrada, a média dele com etanol é de 10,7 km/l, enquanto o Fox crava 10,4 km/l.

IMPACTO NO BOLSO
Os custos de revisão do up! TSI ainda não estão disponíveis no site na Volkswagen, mas a fabricante diz que a única diferença entre a manutenção do motor MPI e do TSI é a necessidade de 750 ml a mais de óleo, demanda para arrefecer o turbo. Considerando o preço médio de R$ 45 do óleo recomendado pela Volks, o impacto no valor total dos três primeiros serviços preventivos pode chegar a R$ 130 (R$ 880, contra R$ 750 do aspirado).

Embora o motor seja o mesmo MPI, o valor total das três primeiras revisões do Fox é de R$ 710. Esses R$ 40 de vantagem do Fox, no entanto, podem diminuir ou até desaparecer devido à cotação de seguro mais barata do up! turbo. Surpreendentemente, a apólice do compacto sobrealimentado custa R$ 1.905, ante R$ 2.290 do Fox Comfortline, segundo cotação da Solid Seguros.

FICHA TÉCNICAVW cross up! TSIVW Fox 1.0 Comfortline
Motor:diant., transv., turbo c/ intercooler., flex, 12Vdiant., transv., flex, 12V
Cilindrada:999 cm³999 cm³
Potência:105 cv a 5.000 rpm82 cv a 6.250 rpm
Torque:16,8 kgfm a 1.500 rpm10,4 kgfm a 3.000 rpm
Transmissão:manual, 5 marchasmanual, 5 marchas
Suspensões (d/t):McPherson/eixo de torção

McPherson/eixo de torção
 

Dimensões (CxLxA):3,64 m/1,91 m/1,50 m3,86 m/1,90 m/1,55 m
Entre-eixos:2,42 m2,46 m
Peso:1.000 kg1.056 kg
Porta-malas:285 L270 L

EMOÇÃO COMBINA COM A RAZÃO
Com base nos números aferidos em nosso teste, as dimensões parecidas e os custos de pós-venda, é possível concluir que, com rara felicidade, emoção pode combinar com razão. O up! TSI tem praticamente o mesmo potencial que o Fox para entregar versatilidade para o cotidiano e em pequenas viagens, mas com desempenho muito melhor, e sem ferir o bolso do consumidor. Fica claro que o paradigma defendido por ele (o uso de motores turbo pequenos) influenciará as futuras gerações de compactos, com soluções eficientes e condução agradável. 

NOSSAS MEDIÇÕESVW cross up! TSIVW Fox 1.0 Comfortline
Aceleração:
0-60 km/h4s165s92
0-80 km/h6s209s98
0-100 km/h9s3815s50
0-120 km/h13s1424s25
Retomadas:
40 a 100 km/h9s8715s46
60 a 120 km/h15s0426s21
80 a 120 km/h7s0619s89
Frenagem:
60-0 km/h14,01 m13,56 m
80-0 km/h25,13 m24,58 m
100-0 km/h39,61 m38,64 m
CONSUMO (etanol):
Cidade9,4 km/l9,3 km/l
Estrada12,5 km/l11,8 km/l
PECO10,7 km/l10,4 km/l
Share This
Roda Super Sortuda Mapa do site